top of page

Eu Guardo Dentro de Mim

Gil Nuno Vaz


Canção integrante do álbum OUTREM, AO LUAR, é uma variação lítero-musical da canção I Got You Under My Skin, de Cole Porter. A variação literária parte da ideia, contida na composição de Porter, de que uma intimidade, de tão profunda, leva a uma infiltração corporal do sentimento, e explora essa percepção com imagens e sonoridades verbais próprias, sem fidelidade ao texto original.

A variação musical se dá basicamente na linha melódica, seguida por algumas mudanças harmônicas, mas mantendo o desenho rítmico da melodia original.

A gênese de Eu Guardo Dentro de Mim está na apreciação de uma imagem fotográfica, expondo uma delicada textura de pele de um corpo feminino, entre o pescoço e o colo, associada à ideia da película cinematográfica.



PELÍCULA


Eu guardo dentro de mim

Te guardo rente à pele assim

Eu trago em mim debaixo da pele assim

Te trago dentro de mim


Eu guardo dentro de mim

E aguardo no abrigo que em mim fiz para ti assim

E sigo teu rastro na pele a um fim que me apele assim

Te arrasto dentro de mim


Se estrago toda a ilusão na intenção

de tocar-te a pele em meu ser

teu ser não repele o que esgarço em tensão

dentro a ti, dentro em mim, de trazer-te prazer


E escorrego assim, e me esfrego assim,

É o que me impele a ti, e que me compele a ti,

E não expele em ti tua pele em mim

Toco enfim, te trago em mim,

E assim te guardo dentro de mim.


Eu_guardo_dentro_de_mim
.pdf
Download PDF • 59KB





















bottom of page