top of page

Cine Inês


Era evidente, mesmo em se olhando de longe, que o prédio não havia sido construído para ser um cinema. Percepção que passava ao largo de um conhecimento histórico prévio. Nem da época de sua edificação, processo que consumiu três décadas entre o projeto e a conclusão da obra, que se deu em 1869. E nem do uso a que se destinava, que o próprio nome declinava: Casa de Câmara e Cadeia. Onde esteve presa Patrícia Galvão, que em 1954 viria a morar em Santos, cidade na qual morreria oito anos depois. Mais do que a função legislativa, o que ficou marcado na memória popular foi a função carcerária. Cadeia Velha foi a denominação que prevaleceu durante muito tempo, mesmo após sua desativação dos fins originais e de sua utilização para atividades culturais.


Assim, se não houvesse a identificação na fachada, que ocupava toda a extensão da parte frontal do prédio, ninguém diria que se tratava de um cinema. Numa primeira impressão, a associação imediata seria de um edifício público, de atividades de algum órgão governamental, oficial.


Mas, ao ouvir Nihil dizer que viera preparado para comentar algo sobre o cinema da praça, Audite foi tomada de súbito por certa ansiedade. Não ficou apenas surpresa, mas atônita, como se algo muito substancial estivesse para ser revelado.


E seu corpo estancou em frente ao prédio. E os dois ficaram ali uns minutos, imobilizados quase.


De onde estavam, era possível ler os dizeres de um painel ao lado da porta de entrada. Nele, certas indicações pareciam brincar com o nome do cinema, Cine Inês. Como se fosse uma espécie de trocadilho acústico, o nome Inês fragmentava-se em duas sílabas que, sugerindo sinalizar ambientes, soavam como o nome do cinema: IN-EX. Especulou, ou melhor, constatou quase instantaneamente que esse Cine Inex aparentava sinalizar que havia duas opções de entrada. A entrada IN, para o Paço INterno do lugar. E a entrada EX, para o Paço Externo.


E aí? Audite provocou Nihil. Para onde vamos?


Eu decido? Muito bem. Acho que sei o melhor lugar para conversarmos com calma. Mas, antes... preste atenção no Saguão, o acesso é por ali. Lá eu conto para qual recinto vamos.


Diante do reforço, se não da insistência do convite, acompanhada de um gesto cavalheiresco, em barroco estilo galante, encaminharam-se para a entrada e subiram os dois degraus entre o piso da praça e o pavimento térreo do cinema.






















bottom of page