top of page

Trem de Pouso


Versão com parte coral da composição orquestral O TURISTA INCIDENTAL, agregando o texto Trem de Pouso.


















TREM DE POUSO

(Gil Nuno Vaz)



Régua e compasso o Brasil me deu

Meu caminho eu traço eu mesmo faço o meu

Quem sabe de mim, quem sabe enfim sou eu

Régua e compasso o Brasil me deu


Pelo mundo afora eu chego e vou embora

Pode ser agora ou a qualquer hora


Brasil, ame-o ou deixe-o

Brasil, ame-o ou deixe-o

Brasil, Brasil, ame-o ou deixe-o

Brasil, Brasil, ame-o ou deixe-o

O Brasil, Brasil, ame-o ou deixe-o

O Brasil, Brasil, ame-o ou deixe-o

O Brasil, ame-o ou deixe-o

O Brasil, ame-o ou deixe-o

O Brasil


Compasso, régua,

Sem trégua, traço

O meu caminho, faço,

Em cada passo

Dessa linha, o desenho

Do lugar de onde venho:

Brasil que amo,

Brasil que deixo,

Brasil, Brasil, Brasil.


Régua e compasso o Brasil me deu

Meu caminho eu traço eu mesmo faço o meu

Quem me conheceu, jamais me esqueceu

Régua e compasso o Brasil me deu


Pelo mundo eu vôo

Nos céus de Paris

O Catorze-Bis

Venceu o Concorde

Rompeu num acorde

A barreira de sombra da Cidade-Luz

Bateu o recorde

De velocidade


E até aqui eu vim, eu vim

De Nova Iorque

No Espírito de São Luiz

E em Paris

Foi em Orly

Que aqui fiz

Meu debut


Sob o olhar dos senhores e das senhoras de Lisboa

O Lusitânea sobrevoa

Pilota-o outro Cabral

Num rasante vôo da Fênix

Vai adiante

E chega até Fernando de Noronha

E ao Jequitinhonha

E sonha

Com o Pantanal

Avante

Sextante ao vento cortante

No São Francisco

Foge arisco do corisco

Faz pouso de risco

Manobra radical

Vai de bico

Até a foz do Velho Chico


Daí, rever-te em Roma,

Em Veneza desci

Nas águas do canal

De Roma eu parti

Direto pro Nepal

Via Ibéria, via Gália

Pra Sibéria e Austrália

No primeiro vôo da Alitália


De uma lagoa azul

Voei pra Istambul

Num céu de anil

Cabul e Seul

Pros mares do sul

Pros céus do Brasil


Sutil

Como o bater de asa

Eu vôo para casa

De volta ao Brasil.


O Rio de Janeiro, o Corcovado

Pão de Açúcar, Urca

Da Guanabara, baía da Guanabara

Na pista, perigo à vista!

É o Rio de Janeiro, o Corcovado

Pão de Açúcar, Urca

Da Guanabara, baía da Guanabara

Santos Dumont, Galeão (Copacabana, Leblon), Tom Jobim e o Jardim de Alá, JK


Ô Brasília, ai ai

Ô Brasília, ai, ai

Bem na hora de pousar

Não tem trem para baixar

Não tem trem, não, pra baixar.


Régua e compasso

Meu caminho eu traço

Pelo céu portenho

Risco o espaço

Sobre o obelisco

Faço o desenho

Da assombrosa excursão do samba

À Casa Rosada e o Alvorada.


Me empenho pra dizer

Desenho se não der pra entender


Ratatata Tata Te

Em Madrí e Pamplona

Ratatata Tata Be

E em Barcelona

Ratatata Tata O

Tebeo em Granada, em luta armada animada

Com balas de giz, com fuzis de grafite e mais nada

Bem na hora de pousar

Esse trem não vai baixar

Mas não desanime

Anime, que eu tenho o desenho


Como na história

Extraordinária

Anime o trem (ame e anime)

E pouse bem (crime ou regime)

Trem de aterragem, não tem sabotagem (nada te oprime)

Que me turve a imagem ou minha coragem (não te reprime)

Uma vitória (nem te deprime)

Imaginária


Tempo de voar e tempo de pousar

Já cansei de andar por tudo que é lugar

Já é hora de voltar para o meu lar

Vôo à volta de Paris

Vou de volta aos meus Brasis

Faço um risco e

Um rabisco e

Vou de volta à raiz.


Ame-o ou deixe-o, abaixo o lema que não está nos meus gibis

Ame-o e anime-o, é o novo tema pra recriar o meu país

E se não tem o trem de pouso, a roda eu ouso reinventar

E nova história extraordinária vou desenhar.


Ame-o ou deixe-o

Veja, isto é o risco Brasil

Ame-o e anime-o

Risque e rabisque o Brasil

Ame-o e anime-o

O Brasil.



Pelo mundo eu vôo, eu vou

Volto assim, volto pra mim, pra quem enfim eu sou



Em tempo de horror, arma de execução

Brasil, ame-o ou deixe-o

Em tempo de amar, alma de animação

Brasil, ame-o e anime-o

Tempo de voar, tempo de horror

Tempo de pousar, tempo de amor

Execução, arma de execução

Animação, alma de animação.














































Comentarios


bottom of page